Sexta-feira, 31 de Agosto de 2007

E vai chegar o Setembro, Mãe!...

Dançando o Tango

 

Gosto muito de dançar. Uma das «danças» que me arrepia é o Tango. Há muito tempo que não o danço, mas são inesquecíveis as sensações que o Tango nos pode dar. Quando danço o Tango, mais do que pensar nisto ou naquilo, sinto a sensação do infinito, da sedução, do atrevimento e até da conquista. Perde-se a noção do tempo e ganha-se a força da liberdade... De passo em passo parece que tudo deixa de existir, para existir apenas e tão só aquele singelo momento. Só quem o dança sabe do que falo. Há uma passagem de um filme em que se dança o Tango de uma forma que me tocou e, por isso, resolvi partilhar esse momento; Al Pacino em Scent of a Woman.


Publicada por AJO em 16:20

 

Cliquei no teu nome, Adriana, e, cheguei aqui, aos teus Traços e Letras e abri este post e vi-o, sei lá… quantas vezes, quantas!


 

Deixei-te um comentário, atabalhoado, porque fiquei tão sem palavras, acreditas? Emocionei-me imenso, porque não contava e soube-me tão bem, tão bem!

Enviei-te um mail, pedindo autorização para por o teu post aqui junto com aquele vídeo fabuloso! Vi o filme, tenho-o, é notável! Disse no mail que to queria pedir emprestado para o dar a ver a alguém que dançava maravilhosamente, que conheceu a mais bela história de amor, que a viveu intensamente e que tantas vezes, muitas mais do que as que eu vi e revi o vídeo, lá no teu espaço, deixa escapar, quase como que um sussurro que, apenas quem a conhece bem, consegue ouvir:


- O que eu dava, Meu Deus, para dançar uma vez só que fosse, aquele tango, contigo, meu Amor!


 

Não vou dizer mais nada.

Deixo-vos, não com o vídeo que está no teu belo blog, Adriana, esse está perfeito lá e é lá que deverá ser sentido e vivido por quem gosta de dançar um Tango.

Fiquem com La Cumparsita, que foi o que uniu o par que eu mais gostava de ver dançar: OS MEUS PAIS, no dia último do mês que antecedeu o mês mais belo para os dois: Setembro de 1955!


 

 


 

publicado por Cris às 16:18
| comentar | favorito
6 comentários:
De Carla a 3 de Setembro de 2007 às 12:54
Infelizmente não sei dançar tango, ando de dia para dia a adiar esse sonho, mas isso não impede de me arrepiar sempre que vejo alguém a vibrar com a sensualidade desses ritmos quentes. Comecei a lei o teu texto e a pensar que essas pessoas eram os meus pais... afinal eram os teus, mas a verdade é que também revi os meus nessas belas palavras.
Foram vezes sem fim que fiquei de olhos arregalados a olhar para os dois a mexerem-se na pista...agora andam mais parados tenho que os acordar para a música.
Obrigada pelas lembranças que aqui vim buscar.
Carla
De Falyly a 2 de Setembro de 2007 às 22:54
La Cumparsita a música e dança preferida dos meus pais...tal como uniu os teus.

Magnífico.

Beijocas lindona:)
De wind a 31 de Agosto de 2007 às 23:44
Adoro ver dançar o tango porque é sensual, quente, fogoso:)
Beijos
De Cris a 1 de Setembro de 2007 às 00:03
Dava tudo, Wind, para que tivesses o prazer de ver aquele Par dançar!
Era tão engraçado, sabes? Sobretudo o meu Pai, que era completamente louco por tangos, quando via alguém dançar, mas dançar bem, fosse ao vivo, fosse na televisão, mandava-nos calar e comovia-se tanto! Sorria e comovia-se ao mesmo tempo.
Talvez porque foi com este tango que ele encontrou a metade que lhe faltava, tal como ele dizia.
E era, Wind! Era lindo vê-los dançar!
Vai começar o mês em que casaram e achei que seria uma surpresa linda para a minha mãe dar-lhe a saborear La Cumparsita :-)
O Pai Viriato, esse, está a deliciar-se, de certeza, lá em cima... ;-)
Beijo, Linda!
Ainda não sei qual das tuas fotos vou escolher! Gosto de todas!
De Adriana a 31 de Agosto de 2007 às 17:27
Bem... acabei de ficar sem palavras, logo eu que falo pelos cotovelos.
Este é daqueles textos que vale mais ler e reler do que tentar dizer alguma coisa. Vou voltar a ler ...
De Cris a 1 de Setembro de 2007 às 00:06
Foi o mesmo que eu senti, quando cheguei lá aos teus Tracinhos ;-)
Lindíssimo, não é?
Nem te digo quantas vezes já vi aquele teu vídeo. Ainda que tenha o filme, chegar ao teu blog e ver dançar assim foi soberbo!
Obrigada!
Beijo e um bom fim de semana

Comentar post



pesquisar

 

Setembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Encantos Recentes

JUSTIÇA PARA FLÁVIA!

Não há luar!

...não precisar dizer mai...

Brasileirinha dji car...

desejo

Adoro ver-te voar...

Um gesto...Um Bolso...e.....

E vai chegar o Setembro, ...

Minho

Encantos Guardados

Setembro 2008

Agosto 2008

Junho 2008

Agosto 2007

Fevereiro 2007

Outros Encantos



A-manh-ser
adesenhar

Branco e Preto II

(A) Clareira
Codornizes
Cubata Simples e Verdadeira

Da Condição Humana

Estrada de Santiago
Estúdio Raposa-Luís Gaspar

Flávia, Menina-Encanto, Uma Flor!
Fugas e Devaneios

Heloísa

Humores

(O) Jardim e a Casa

Jogos de palavras

Madrugadas de Volúpia
Mar de Sonhos
Menina Marota
Marulhos
Mil e Uma Horas

Noite.de.Mel
Nuno Photo's Space
Nuno de Sousa-Fotógrafo Amador

OFicina de Palavras
Outros Olhares

Páginas da Nossa Vida
Paixão e Poesia
Palavras da {{coral}}
Palavras em Desalinho
Partilhas
Peciscas
Pedra Filosofal
Plan(o)Alto
Poemas de Amor e Dor
Poesia Portuguesa
Pó de Estrelas ou (o Meu Sol de Inverno)
(A) Psique mudou de ideias

Revelações...Avulsas

Secreta
sem censuras
Sidadania
Sinestesia Crepuscular

Traços e Letras
Truca-Luis Gaspar

Vida de Casado

Webclub
Words

A INJUSTIÇA de uma JUSTIÇA lenta. E o PERIGO DOS RALOS DE PISCINAS. Clique na foto, conheça e divulgue a história de Flavia. Obrigada!


Blogagem Colectiva para Flávia em 9/Set/2008


Encanto-me a ver

blogs SAPO
RSS