10 comentários:
De Fatyly a 6 de Agosto de 2008 às 21:38
E eu assisto de bancada a essa vossa grande e incondicional amizade e confidencialidade.

Voam...mas continuam a ser os nossos bébés.

Força fiota que ambas iremos suster essas asas!

Um momento lindissimo, comovente e a transbordar de ternura.

Um beijo às duas
De Cris a 7 de Agosto de 2008 às 01:29
És parte de nós. Ouviste a tua neta mais velha, não ouviste? É um doce de Menina/Mulher!
Se já corria para o teu colo, agora vou deixar-me adormecer nele, vezes sem fim.
Não escondo, Faty! Adoro saber que ela voa tão bem, mas, que custa tanto, tanto! Estamos todas de nervos à flor da pele.
Ando por aqui, sem saber que fazer. Levanto-me e vou dar-lhe um beijo, choro, fujo. Sento-me, não sei o que faço, Mãezona.
Pela primeira vez, acredita, não sei o que faço, como estar, se a olhe, se não. Estou feliz, estou triste, estou tão nervosa!
Até a Avó Edu está mais calma que qualquer uma de nós, acreditas? Mas, foi lindo! Disse-me:
"-Tininha, eu queria ir acompanhar a João!"
E vai! É tão feliz por ver a neta toda bonita! :-)
Sei agora como é delicioso ser Mãe! Não há no mundo melhor sensação que esta!

Beijo no teu Coração Enorme, das tuas, fiota e netas,
Cris, João e Ana Rita

Comentar post